/// . Baobá Voador .

https://n-1edicoes.org/007 Texto de B. Preciado sobre os efeitos das poltcas e culturas nos corpos dos sujeitos. Leitura essencial!

Surgiu este verão a formação de uma futura Rede do Decrescimento em Portugal, animada pela passagem em Julho, no Porto, de Miguel Anxo Abraira e Iolanda Teijeiro Rey da Rede do Decrescimento da Galiza. Duas sessões, moderadas por Jorge Leandro Rosa e Álvaro Fonseca, foram atendidas por uma centena de pessoas nos espaços do Gato […]

Caras e caros, Entender o que acontece com a economia está ao alcance de qualquer pessoa. Não se trata aqui de teorias, e sim do nosso trabalho e do nosso dinheiro. O Instituto Paulo Freire, em parceria com o Professor Ladislau Dowbor, disponibiliza, gratuitamente, a íntegra do curso sobre o livro “A Era do Capital […]

Will Geary mapeia o o fluxo de trâfego de armas dos Estados Unidos para outras partes do mundo, de 1950 a 2017!!!! Muito impressionante.  

A resistência pacífica dos indígenas protectores da água contra o oleoduto Dakota Access em Standing Rock, inspirou um movimento de “activismo sagrado”, enraizando a acção política na ligação espiritual. O activismo sagrado é uma verdadeira fonte de esperança num mundo em colapso, pois oferece os fundamentos espirituais necessários para unir pessoas do mundo inteiro em […]

https://calafou.org/es/content/hackeja-terra-2018-trayendo-hack-retorno-al-pueblo  

bbbb Por que a Economia do Conhecimento dispensa, em boa medida, o capital. Como surgem redes, moedas e bancos alternativos. A resposta brutal (mas possivelmente ineficaz) do sistema. Oito leituras indispensáveis, com resenhas Por Ladislau Dowbor, no seu site | Imagem: Jean Bailly A economia deve servir para o bem-estar da sociedade e não o […]

Zad é uma zona a se defender. Está localizada na França, perto de Nantes, em um território que estava prestes a virar o futuro aeroporto de Notre-Dame-des-Landes. Este chamado é para uma “Semana de atividades intergaláticas” do coletivo que, em resistência, ocupou o local. http://zad.nadir.org/

Nosotras Har­tas del sin-sen­ti­do en el que vi­vi­mos, es­ta­mos en­tre las que de­ci­di­mos or­ga­ni­zar­nos para ha­cer­le fren­te. Para ello ca­mi­na­mos ha­cia una vida ple­na le­jos de la que nos pro­po­nen el ca­pi­ta­lis­mo, el es­ta­do, el pa­triar­ca­do y en ge­ne­ral, la bar­ba­rie que nos ro­dea. Nos da­mos cuen­ta de que sin la re­fle­xión ne­ce­sa­ria va­mos dan­do […]